Translator

domingo, 27 de fevereiro de 2011

São Sebastião vê cena rara no porto.

Quem passou pela balsa que liga São Sebastião à Ilhabela
nos último dias viu uma cena um tanto curiosa.

No cais comercial normalmente opera um navio a cada 10/15
dias, e desta vez haviam dois navios operando simultaneamente
atracados a contrabordo, e o mais curioso que eram do mesmo
armador, a norueguesa Westfal-Larsen.


Isso aconteceu porque o menor deles (Siranger), carregado
não tinha como descarregar sua carga de 15.000 toneladas de
sulfato usando seus próprios equipamentos devido a altura,
necessitando assim que o navio (Austanger) de maior porte o
fizesse e descarregasse a carga no funil utilizado no cais.

São Sebastião não possui equipamentos em terra e os navios
operam com seus próprios guindastes, dessa forma após o final
de seu descarregamento o Austanger finalizou também o serviço
do navio Siranger.



Fotos: Kelso Medici
Postar um comentário