Translator

domingo, 8 de maio de 2011

Próxima temporada de cruzeiros terá menos navios

A pouco menos de um mês da já encerrada temporada de cruzeiros
2010/ 2011, as operadoras já começam a se programar para a próxima
estação . Após surpreenderem o público brasileiro com navios enormes
e muitas novidades, as empresas reduziram o número de embarcações
para 2011/ 2012. A aposta será mesmo nos navios já conhecidos pelos
cruzeiristas. A falta de infraestrutura dos portos do País foi um dos
motivos apontados para a redução.

Embarcações que caíram no gosto dos turistas na temporada passada
não retornarão ao Porto de Santos e outras nem mesmo ao Brasil na
próxima estação. Para o complexo santista não voltam o "Mariner of
the Seas", "MSC Opera", "Bleu de France", "Horizon" e "Costa Serena"
(substituído pelo Pacifica). O "MSC Lirica" também foi retirado da
costa brasileira.

O Grupo Costa, formado pela Costa Cruzeiros e pela espanhola Ibero,
vai trazer ao Brasil o "Costa Pacifica", que fará a sua estreia em águas
brasileiras. Além dele, virão os já conhecidos "Costa Fortuna" e "Costa
Magica". O último terá saídas apenas do Rio de Janeiro. Já os outros
dois partirão de Santos com destino ao Nordeste (Pacifica) e Argentina
(Fortuna).

Em sua terceira temporada brasileira, a Ibero voltará com o "Grand
Mistral", "Grand Celebration" e "Grand Holiday". Todos farão escalas
em Santos. A novidade do Holiday são roteiros que incluem Ubatuba
(SP) e São Francisco do Sul (SC).

Irmão gêmeo do Concordia e do Serena, o Costa Pacifica conta com
capacidade para 3.780 passageiros. Conforto, tecnologia e
entretenimento são as suas principais características. E como a música
é o seu tema, os turistas que escolherem embarcar no Pacifica terão
uma surpresa: poderão gravar o seu próprio CD a bordo. Isso porque
a embarcação oferece um estúdio de gravação profissional aos seus
hóspedes.

E a experiência musical não para por aí. Cada área do navio foi
batizada com um nome melódico e conta com trilha sonora exclusiva
criada pelo maestro italiano Mauro Pagani. São 29 peças musicais
feitas especialmente para o Pacifica, com 22 clássicos e oito músicas
inéditas ao longo do cruzeiro. Outro destaque do navio é o Samsara
Spa, uma área de 6.000m², dois andares e cabines com acesso
exclusivo. O espaço é ideal para os passageiros que buscam
privacidade. O local oferece tratamentos baseados na medicina
ayurvédica, comoa piscina de talassoterapia, onde é possível
beneficiar- se das propriedades curativas da água do Mar Morto.

Royal Caribbean

A Royal Caribbean vai apostar no navio preferido do público, o
"Splendour of the Seas", para atrair os turistas na próxima estação.
Sem nenhuma novidade para Santos, depois do sucesso do "Mariner
of the Seas" , a empresa vai trazer novamente o Vision e o Splendour.
Este, aliás, virá totalmente revitalizado e chegará em 11 de dezembro
ao País.

Apesar de ter conquistado o público, o Mariner não voltará. O
motivo principal é a dificuldade operacional observada nos
complexos brasileiros.

Após a reforma, o Splendour contará com novos restaurantes: o
Giovanni's Table, uma clássica tratoria italiana; o Izumi Asian Cuisine,
com pratos asiáticos e sushi bar; e o Park Café, uma espécie de
mercado gourmet com saladas, sanduíches, sopas e bolos. Além das
novas opções gastronômicas, o navio terá suas instalações renovadas,
com TVs de tela plana e mais cabines com varanda.

As novas estruturas incluem também um berçário com ambiente
divertido e interativo, onde profissionais treinados cuidam dos
pequenos e oferecem atividades desenvolvidas exclusivamente para
a Royal Caribbean. Os turistas vão encontrar ainda mais áreas com
Wi-Fi (rede de internet sem fio), um telão na área das piscinas e mais
espaços para membros de programas de fidelidade.

MSC e CVC cruzeiros

A MSC Cruzeiros voltará a Santos na próxima estação somente como
o "MSC Armonia" e o "MSC Orchestra". O primeiro foi responsável
pelos minicruzeiros na temporada 2010/ 2011. Além deles, virão para
o Brasil o Musica, com embarques exclusivos no Rio de Janeiro, e o
Opera, que sairá de Buenos Aires e no Brasil fará escalas no Rio de
Janeiro, Ilhabela, Ilha Grande, Angra dos Reis e Búzios (litoral
fluminense).

O "MSC Lirica", que chegou a fazer escalas no Brasil na última
temporada, foi retirado da costa brasileira. A empresa afirma que a
decisão foi tomada devido à falta de infraestrutura e os altos custos
operacionais dos portos.

Já os navios antes operados pela CVC agora são de responsabilidade
da companhia espanhola Pullmantur (proprietária das embarcações),
que já conta com um escritório em São Paulo. Para 2011/ 2012, a
companhia vai trazer ao cais santista o Sovereign, Imperatriz e
Zenith. Não retornam o Horizon e o Bleu de France. A CVC, como
agência de viagens, focará a sua atuação na venda de pacotes de
cruzeiros.

Além disso, a CVC já anunciou a 7ª edição do cruzeiro Universidade
Marítima e a 4ª do Navio da Moda, ambos organizados pela CVC
Estudantes, unidade da empresa especializada na formatação de
viagens para estudantes.

O primeiro acontecerá a bordo do Zenith, entre 25 e 28 de janeiro de
2012. Oficinas, palestras e workshops farão parte da programação e
serão ministradas por mestres e doutores.

O Navio da Moda será no mesmo navio, de 11 a 14 de fevereiro, e
é voltado, principalmente, para estudantes de moda, editores de
revistas especializadas e estilistas de todo o Brasil.


Fonte: A Tribuna
Postar um comentário