Translator

terça-feira, 16 de agosto de 2011

Suape recebe primeiro navio da linha direta com a Ásia


O navio "Cap Jackson" atracou nesta última quinta-feira no Porto de
Suape, inaugurando uma nova linha de navegação de longo curso,
a primeira vinda diretamente de portos asiáticos. Normalmente, as
linhas que vêm da Ásia fazem o transbordo no Panamá, Santos ou
em Sepetiba.

Com a implantação da rota, o transbordo dos produtos que tem como
destino o Norte, Nordeste e Vitória migrará para Suape, reforçando,
ainda mais, sua vocação para ser um "hub port", ou seja, um forte
distribuidor para a região norte-nordeste do país. A nova linha é
operada pela Hamburg-Sud e Maersk, dois dos maiores armadores
do mundo. Esta é a segunda linha direta de Suape com a Ásia, sendo
um momento histórico na consolidação do Porto de Suape no
contexto nacional e internacional.

Outra vantagem da nova operação é a considerável redução no
tempo de chegada das mercadorias. Atualmente, são 55 dias de
viagem para que uma importação vinda da Ásia faça o transbordo
em Santos e chegue em Pernambuco. Com a linha, esse prazo será
de 41 dias. O vice-presidente de Suape, Frederico Amâncio, explica
que a expectativa é que a rota Ásia-Suape aumente em 10% a
movimentação de contêiner no porto. "O novo serviço conta com
11 navios, anualmente trará um impacto de mais de 50% no número
de escalas de embarcações realizadas em Suape. A nova linha
permite, ainda, consolidar Suape como plataforma de exportação de
mercadoria" comenta.

Os principais locais de importação serão China, Hong Kong e
África. A princípio, a linha utilizará navios de segunda geração,
com capacidade para transportar até 6 mil Teus (unidade equivalente
a um contêiner de 20 pés). Quando a rota se consolidar, as empresas
colocarão navios maiores.


Fonte: A Tribuna
Postar um comentário