Translator

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Começa derrocagem do porto

Os trabalhos de derrocagem do canal de navegação do Porto de
Santos foram iniciados ontem. O projeto prevê a retirada das
pedras de Tefé e Itapema, que estão submersas no estuário. De
acordo com o presidente da Codesp, José Roberto Correira Serra,
a primeira implosão deve ocorrer até sexta-feira. No momento
em que os explosivos forem acionados, o canal será interditado.

A remoção das pedras é necessária porque as duas dificultam a
navegação no cais santista. Devido a sua localização, o leito
navegável do canal acaba sendo estreitado.

A pedra do tefé fica entre o Terminal de Passageiros Giusfredo
Santino e os silos do armazém 26, a 12,5 m de profundidade. Já a
outra rocha, a de itapema, está a 10 m de profundidade, na direção
do armazém 12, em frente ao Forte de Itapema, em Vicente de
Carvalho.

A derrocagem faz parte do projeto de aprofundamento do canal de
navegação do Porto. Como procedimento, a largura do canal
passará de 150 para 220 metros.

A obra será realizada pela Ster Engenharia, vencedora do processo
licitatório realizado pela Secretaria de Portos da Presidência da
República, no ano passado. O serviço custará R$ 25.592.142,96
e será pago com recursos do Programa de Aceleração do
Crescimento (PAC), do Governo Federal.



Fonte: A Tribuna
Postar um comentário